Ritidoplastia

A ritidoplastia é a cirurgia plástica responsável por remover o acúmulo de pele para diminuir a flacidez e atenuar as rugas da face. O lifting facial, como também é conhecido, age na restauração do contorno e na superfície do rosto como um todo, tendo resultados mais discretos e duradouros. Esse procedimento auxilia na eliminação da flacidez de pele, removendo os excessos e corrigindo os músculos. É recomendado para quem quer reverter, pelo menos de forma parcial, o processo de envelhecimento facial global.

Otoplastia

A otoplastia é um tipo de cirurgia plástica conhecida por corrigir falhas nas orelhas, dentre eles, a chamada “orelha de abano”. A cirurgia corrige não apenas a forma, mas a posição ou as proporções das orelhas, dando uma forma natural e restaurando seu equilíbrio e proporção. O resultado melhora também a autoestima do paciente. Crianças a partir dos seis anos de idade podem recorrer à otoplastia para a correção de algum defeito na formação das orelhas, presente desde o nascimento ou ocasionado por uma lesão.

Rinoplastia

A cirurgia plástica do nariz, conhecida como rinoplastia, oferece uma nova forma ao nariz, melhorando contornos e tornando as linhas mais harmoniosas. Para conseguir tais proporções e equilíbrio é preciso analisar as linhas e contornos do restante do rosto, pois cada pessoa possui características próprias. Por isso, é importante que o (a) paciente também ouça o que o cirurgião plástico tem a dizer. Uma espécie de gesso e por vezes um tampão interno dão sustentação ao nariz à medida que a cirurgia começa a cicatrizar, por aproximadamente uma semana. Pode levar até um ano para o novo contorno nasal ser redefinido completamente. A cirurgia plástica do nariz também pode corrigir dificuldade respiratória causada por anormalidades estruturais no nariz.

Mentoplastia

A mentoplastia é um procedimento para remodelar o queixo através da colocação de implantes ou por meio do próprio osso. A realização dessa cirurgia plástica poderá ocorrer com o objetivo de aumentar ou reduzir o tamanho do mento. Este é o procedimento realizado para correção de deformidades no queixo, sejam elas adquiridas por fatores genéticos ou características familiares, afetando diretamente no estabelecimento da forma do queixo. A mentoplastia mais comum é aquela que visa corrigir o retroposicionamento (queixo retraído), através da colocação de um implante de silicone.

Blefaroplastia

Essa cirurgia plástica é indicada para quem tem “bolsas” abaixo dos olhos, rugas e flacidez nessa mesma região. A blefaroplastia melhora o aspecto das pálpebras superiores e inferiores, rejuvenescendo a região em torno dos olhos. A cirurgia é considerada simples, e seus resultados permanecem por muitos anos. A cicatriz é escondida nas dobras da pele ou sob os cílios. O resultado final é um olhar mais descansado e alerta. Por resultarem da ação muscular, as rugas são suavizadas no processo cirúrgico, contudo, não é possível bloquear a movimentação desses músculos e corrigi-las totalmente.

Bichectomia

A bichectomia é a cirurgia plástica nas bochechas, que retira as duas bolsas de gorduras que se encontram localizadas entre o maxilar e a mandíbula. Vale ressaltar que bochechas grandes nem sempre têm relação com obesidade. Mas de uma forma ou de outra, elas podem ser reduzidas com o procedimento. Ela é considerada simples e pode ser feita com anestesia local. O corte é pequeno, cerca de 1 cm, na parte interna da boca e depois é fechado com pontos de fios absorvíveis, que não deixam cicatrizes. O pós-operatório é um dos mais tranquilos. Normalmente ocorre apenas um leve inchaço na região operada.

//]]>